Todas as nossas atividades podem ser presenciais ou online. INSCREVE-TE AQUI!

Captação de alunos: saiba como aumentar com 14 dicas

Com a instabilidade económica no nosso país e a grande concorrência no mercado de educação, manter e atrair novos estudantes torna-se uma tarefa bastante complexa, que exige um planeamento prévio solidificado com foco na captação de alunos.

A boa notícia é que existem estratégias determinantes capazes de alavancar um negócio educacional e diferenciá-lo da concorrência. Interessou-se pelo tema? Então, continue a leitura deste artigo. Apresentamos 14 dicas especiais para começar a captar mais alunos neste momento. Saiba mais!

1. Ofereça um ensino de qualidade

Investir num ensino diferenciado e de qualidade é uma ação consideravelmente simples, mas essencial para potencializar a captação de alunos. Por isso, certifique-se que disponibiliza cursos atualizados e com conteúdos programáticos em sintonia com a procura do mercado de educação. Além disso, reflita sobre os principais pontos que fazem a sua escola sobressair-se em relação às restantes — o que a torna especial e singular? Que experiências oferece que as outras não conseguem? Compreenda qual é o seu fator diferenciador e não hesite em utilizá-lo em seu favor.

2. Aposte em canais de comunicação eficientes

Graças à Internet e aos inúmeros avanços tecnológicos, é possível que instituições adotem canais de comunicação inovadores, instantâneos e muito mais próximos da comunidade escolar e de potenciais estudantes.

Assim, perguntamos: a sua escola tem uma página no Facebook? Está no Instagram ou alimenta um perfil no Twitter? Saiba que as redes sociais são ferramentas poderosas para aumentar a captação de alunos — afinal, transpõem barreiras e apresentam um poder de alcance gigantesco. Por isso, não podem ser subestimadas!

É interessante apostar ao máximo nas potencialidades desses canais. Desta forma, recomendamos que crie e divulgue periodicamente conteúdos criativos e de qualidade sobre as atividades que ocorrem na sua escola. Assim, será mais fácil mostrar ao mercado tudo o que pode oferecer com elevada qualidade no momento.

3. Adote estratégias de marketing digital

Sabe o que é marketing digital? Trata-se de um conjunto de ações que uma instituição realiza no ambiente online com o intuito de consolidar uma marca, promover produtos ou serviços e, ainda, estabelecer e nutrir relacionamentos. O conceito é essencial para tornar a sua escola conhecida na Internet.

Recorda-se que destacamos a importância de investir em canais de comunicação? E que as redes sociais são aliadas significativas na captação de alunos? Neste ponto, o marketing digital pode ajudá-lo, porque estabelecerá estratégias para que alcance o seu público-alvo de forma certeira com esses canais.

Mas a sua utilização não se restringe apenas a isso. Existe uma série de atividades que são realizadas na Internet para aperfeiçoar a captação de alunos. Conheça algumas a seguir:

· Links patrocinados.

· Inbound marketing.

· E-mail marketing.

· Blogs.

· Site institucional;

· SEO/SEM.

4. Contrate professores qualificados O corpo docente desempenha um papel vital dentro das escolas, porque é responsável por formar jovens mais conscientes e capacitados para viver em sociedade. Por isso, é importantíssimo contratar professores qualificados e, além disso, incentivar a formação contínua desses profissionais através de cursos de pós-graduação, entre outros.

Repare na quantidade de mudanças que ocorreram no nosso mundo nos últimos anos. Quantas novidades transformaram o mercado de educação? Existem inúmeras novas tendências — como o currículo flexível — que permeiam e afetam diretamente o setor. Os seus professores conhecem todas elas? Pode dizer, com toda a certeza, que fornece meios para os deixar atualizados? Se não, está na hora de reverter isso!

5. Conheça o perfil do aluno que deseja para a escola

A quinta dica é ignorada pela maioria das pessoas em muitos setores — e no educacional, não é diferente. No entanto, é imprescindível conhecer a fundo o perfil do público-alvo que se deseja atrair para qualquer empresa. Na verdade, caraterizamos este ponto como obrigatório.

E não é exagero: não é possível efetivar a captação de alunos sem conhecê-los verdadeiramente. Sem esta etapa, as ações de marketing digital serão ineficientes. Por isso, faça uma pesquisa para compreender os gostos desse potencial público e veja, por exemplo, quais são canais de comunicação que mais utiliza.

Sugerimos que tenha ao seu alcance o máximo de informações possíveis sobre o público-alvo. Afinal, esses dados serão de extrema importância para que construa um planeamento de captação de alunos sólido e funcional.

6. Incentive o boca-a-boca de alunos e familiares

Não há nada mais atrativo para o público-alvo do que identificar que os estudantes estão felizes e satisfeitos com os serviços que oferece. Esta questão, muitas vezes, é decisiva para que algumas pessoas façam a matrícula.

Por este motivo, é preciso cuidar dos seus estudantes, dedicando-lhes muita atenção. São eles e os respetivos familiares que podem indicar uma instituição com mais propriedade, reconhecendo valores e qualidades.

Ao sentirem-se acolhidos, reconhecidos e amparados, com certeza que recomendarão a sua escola. Neste sentido, isso facilita bastante o trabalho de captação de alunos.

7. Utilize um software de gestão escolar

Sabia que existem softwares de gestão escolar especializados em captar e reter estudantes? Estas ferramentas otimizam e facilitam diferentes ações do dia-a-dia, como envio de mensagens por SMS, o e-mail marketing e a realização de matrículas online.

São ferramentas que consolidam inúmeras informações e ainda integram vários setores — marketing, recursos humanos, financeiro, administrativo, entre outros. A tecnologia também gere dados fundamentais para o relacionamento com toda a comunidade escolar.

E há mais: esses programas são adaptados de acordo com a realidade e as necessidades da instituição. Muito bom, não é? Se deseja ter uma visão completa do seu negócio educacional, tem de apostar nesta solução!

8. Adote um sistema de CRM Outra forma de utilizar a tecnologia para a captação de alunos é através de um software de CRM, ou Customer Relationship Management. Esta ferramenta

carateriza-se por integrar os setores de marketing e de vendas. Assim, é muito mais fácil estas duas áreas seguirem a mesma estratégia.

O CRM permite obter dados sobre diversos segmentos do público-alvo, como:

· Estudantes.

· Ex-alunos.

· Pais.

· Responsáveis.

· Leads (segmento do público interessado em receber conteúdos do colégio e propenso a fazer matrículas).

Um bom sistema de CRM permite o envio de informações para o público-alvo de acordo com o nível de envolvimento com a escola. Assim, pode, por exemplo, comunicar palestras, reuniões e datas das avaliações aos pais ou responsáveis de forma simples e ágil.

Além disso, pode informar os alunos de atualizações no blog e eventos que serão realizados na escola, como a abertura das inscrições para aulas de robótica e o início das olimpíadas escolares.

9. Saiba o que é um funil de vendas

Compreender o funcionamento do funil de vendas é fundamental para a captação de alunos ser realizada com eficiência. Ele consiste num mecanismo que divide a fase de compra em três etapas:

1. Topo.

2. Meio.

3. Fundo do funil.

Esta estratégia possibilita segmentar e enviar conteúdos de acordo com o nível de interação do público com a empresa. Além disso, serve para orientar o inbound

marketing, cujo foco é educar o mercado para convencê-lo a investir no seu negócio.

Se deseja envolver a sua audiência, tem de ter um amplo domínio sobre o funil de vendas. Esta prática, sem dúvida, vai criar um fator diferenciador importante em relação à concorrência.

10. Use o potencial do inbound marketing para a captação

Compreendeu de que forma o funil de vendas pode ser interessante para a sua escola? Provavelmente, também já ouviu falar do inbound marketing, mas convém saber como pode ser importante para a instituição de ensino ter uma maior presença no mundo digital.

Uma escola pode, por exemplo, usar as redes sociais para apresentar ações relacionadas com o mercado de educação, como vídeos relativos a alternativas para melhorar a aprendizagem dos filhos e à importância de um planeamento de estudos em casa.

Este trabalho não tem de ser utilizado num formato de propaganda. Por outro lado, tem de apresentar informações claras para ser facilmente compreendido pelo público-alvo.

À medida que o inbound marketing cria uma identificação da escola com a audiência, mais fácil se torna o trabalho de captação de alunos. Isto porque a proposta de ensino mostra-se mais clara para os pais ou responsáveis.

Blog

Já pensou em adotar um blog para explicar aos pais ou responsáveis como a tecnologia pode ser útil para as crianças terem um melhor desempenho na escola? Então, é melhor considerar isso com bastante atenção.

Como mencionamos, com um bom CRM é possível informar o público-alvo sobre atualizações do blog, produção de e-books, criação de vídeos e realização de webinars. O melhor disto é que os conteúdos serão destinados seguindo o nível de conhecimento da audiência com os temas abordados, considerando a fase de compra.

O marketing de conteúdo tem de apresentar materiais que estejam alinhados com uma política de SEO, funcionalidade que facilita encontrar informações nos motores de busca (Google, Bing, etc.). Fazer o cliente procurar a sua escola de forma espontânea abrange os objetivos do inbound marketing. Logo, não se pode esquecer disto de forma nenhuma!

11. Saiba argumentar com os pais ou responsáveis

É fundamental que uma escola tenha um diálogo constante com os pais ou responsáveis. Uma boa argumentação possibilita motivá-los a estarem mais envolvidos com a aprendizagem do aluno. Esta postura favorece um maior envolvimento com o trabalho desenvolvido pela instituição de ensino.

Os gestores de uma escola também têm de mostrar aos pais ou responsáveis os fatores diferenciadores que a escola proporciona às crianças. Esta abordagem precisa de ser feita com inteligência e bom senso, para causar uma boa impressão e reforçar a seriedade da escola ao oferecer um ensino de alto nível. Apontar os pontos fortes e as atividades de melhoria é um passo relevante para aumentar as hipóteses de obter bons resultados com as iniciativas direcionadas à captação de alunos.

12. Mostre o valor das metodologias ativas de ensino

Para convencer os pais ou responsáveis de que uma escola é capaz de proporcionar uma excelente aprendizagem, vale a pena apontar os benefícios das metodologias ativas, ou seja, mostrar como são aplicadas na escola e os resultados obtidos.

A recomendação é explicar como o estudante se torna protagonista da aquisição de conhecimento através de várias atividades realizadas, como pesquisas de campo, debates, estudos de caso, trabalhos práticos, etc.

Sair do modelo tradicional de ensino pela aposta na tecnologia é outro fator que motiva os pais a matricularem os filhos numa escola. Por isso, não abdique de aproveitar o avanço tecnológico para captar alunos e responsáveis.

13. Aposte em casos de sucesso

Toda a gente gosta de ouvir um depoimento sincero ou de conhecer uma história de superação com final feliz, não é verdade? Com base nas pessoas, pode escolher casos de pais, alunos e professores que podem ser explorados nos meios de comunicação da escola.

Um vídeo no Facebook com o depoimento de um aluno que passou no Exame Nacional com uma excelente nota, por exemplo, pode ser decisivo na altura de um pai optar por matricular o filho numa escola.

Também pode usar o blog da escola para relatar histórias marcantes de professores que conseguiram mudar a vida de alunos através de uma didática voltada para elevar a autoestima das crianças.

Explore, ao máximo, conteúdos que destaquem o lado humano das pessoas interessantes na trajetória da sua escola. Esta temática chama sempre a atenção da audiência de forma positiva.

14. Aposte no ensino de programação, robótica e maker

Para captar e fidelizar alunos, é importante oferecer algo mais aos estudantes e aos pais. Já pensou nisso? Então, está na altura de usar um pouco da criatividade com a intenção de fortalecer a imagem da sua escola.

Com a tecnologia cada vez mais presente no nosso quotidiano, vale a pena apostar em aulas extras para ensinar robótica, desenvolvimento de aplicações, criação de jogos, robótica, maker e outras atividades que ajudem a despertar o raciocínio lógico nos alunos.

Em relação aos pais, realizar palestras com temas relevantes e relacionados com a educação dos filhos é uma medida inteligente. Não se esqueça de cativar os responsáveis e de interagir mais com eles. Desta forma, criará um relacionamento mais rico, o que é bom para todos.

Agora já conhece as 14 dicas valiosas para aumentar a captação de alunos! Como viu, é ótimo conhecer verdadeiramente o público-alvo para o captar com eficiência. Também é importante adotar estratégias de marketing digital e compreender as diversas tendências do mercado de educação para cuidar da sua comunidade escolar, com foco em impulsionar e manter as matrículas da escola.

0 Comentários

Deixe um comentário