Informática para crianças: conheça a melhor escola de programação infantil

Informática para crianças: conheça a melhor escola de programação infantil

Face às mudanças recentes e constantes da nossa sociedade, uma metodologia de educação inovadora tem conquistado cada vez mais espaço no mercado educacional, tendo como premissa uma boa preparação das crianças, na escola, para os desafios contemporâneos.

Uma vez que a principal causa dessas mudanças está relacionada com as novas tecnologias, a informática para crianças tornou-se um componente primordial nessa nova forma de educação.

No entanto, a preocupação dos pais e responsáveis continua a ter como base a forma de despertar o seu interesse, para que o conhecimento seja passado de forma efectiva e relevante.

A pensar nisso, reunimos informações sobre o funcionamento de uma escola de programação infantil e sobre os diferenciais apresentados pela Happy Code face às novas perspectivas do ensino de informática para crianças. Veja!

Quem é a Happy Code?

A Happy Code é uma escola de referência no ensino STEM (Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática), certificada pelo Nacional Institute for STEM Education, sendo a única instituição fora dos EUA que possui tal título.

Foi fundada em 2015 no Brasil (e em 2017 em Portugal) para atender à necessidade de preparar as crianças para o mundo pós-digital e as suas exigências perante esse novo cenário. A sua criação teve como base pesquisas relacionadas com o desenvolvimento infantil, futurismo e competências profissionais.

Hoje em dia está presente em diversas escolas espalhadas pelo Brasil, além de Portugal Espanha e Estados Unidos.

Como funciona a sua metodologia?

A metodologia utilizada na Happy Code recebeu o nome de LET – Lean Education Technology.

O seu nome está ligado a uma forma de aprendizagem que é baseada no desenvolvimento de competências que desafiem a época em que vivemos. Assim, a sua organização é diferente da de uma instituição de ensino tradicional, sendo oferecidos cursos interactivos, tais como programação e desenvolvimento de jogos.

A ideia é que os alunos inscritos desenvolvam competências como:

  • raciocínio lógico;
  • capacidade de lidar com as mudanças;
  • criatividade;
  • pensamento crítico.

Esta metodologia visa desenvolver as competências técnicas e comportamentais essenciais aos nossos tempos, além do incentivo ao empreendedorismo.

Como a escola prepara os seus alunos?

O grande desafio da educação no século XXI é realizar as práticas de ensino no meio do excesso de informações que são disponibilizadas a cada segundo e às mudanças constantes na sociedade, motivadas essencialmente pelo uso de tecnologia em todos os seus processos.

Perante esta questão, as escolas tem de se esforçar para manter o envolvimento dos alunos. Prova disso é que, segundo uma pesquisa feita pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) no Brasil, observou-se que mais de 40% do absentismo escolar está ligado à falta de interesse.

No caso da programação para crianças, a Happy Code desenvolveu uma metodologia especial que visa preparar indivíduos capazes de resolver problemas extremamente relevantes.

Esses problemas foram seleccionados a partir das prioridades estabelecidas pela ONU, envolvendo o meio ambiente, sustentabilidade, cyberbullying e desigualdade. A proposta é fazer com que os alunos pensem em soluções para estes assuntos através de aplicações, jogos ou protótipos.

Portanto, espera-se que o aluno desenvolva uma solução que se encaixe em algum desses conceitos, adquirindo competências como a criatividade, a comunicação e espírito de equipa. Cada projecto é intermediado pelos nossos professores, que actuam como facilitadores, focando-se em debates, desafios e trabalho de equipa.

Por que a Happy Code é referência no ensino de programação infantil?

Escola de informatica para crianças

De acordo com a estatística de pesquisas do Fórum Económico Mundial, cerca de 65% das crianças que estão na escola vão trabalhar em empregos que ainda não existem. Diante desse cenário inovador, a Happy Code procura contribuir para que os estudantes sejam apresentados, desde muito novos, ao mercado que os espera no futuro.

Para além disso, a Happy Code não se limita apenas ao ensino da informática. O seu ensino é focado na multidisciplinariedade, através de projec que englobam temas como:

  • narrativas de ciências;
  • matemática aplicada à programação;
  • engenharia com medição;
  • construção;
  • física;
  • comunicação.

Isso faz com que o ensino oferecido se aproxime da realidade do dia a dia e possa ser facilmente aplicado.

É importante destacar que a tecnologia não é o fim, é um meio para atingir um objetivo específico. Portanto, o foco da escola não é formar apenas programadores mas, também, criadores, pensadores e empreendedores. 

O que os pais devem considerar no momento da escolha de uma escola de informática para crianças?

No momento de escolher a escola de informática mais adequada para os seus filhos, os pais devem verificar se:

  • a metodologia da escola possui o objetivo de acompanhar o processo de aprendizagem dos alunos, actuando como facilitadora, e não apenas fornecendo tutoriais para que o aluno reproduza o que foi mostrado;
  • o material desperta no aluno a vontade de criar e pensar;
  • a escola possui boa reputação no mercado, reconhecimento e até a presença de outras escolas deve pesar no momento da escolha.

Quais os cursos que a Happy Code oferece?

Os cursos estão divididos em três categorias:

Literacia Digital

Dividida em aulas semanais, este percurso de aprendizagem é indicado para crianças a partir dos 6 anos, e o seu foco está no ensino de programação, robótica e desenvolvimento de jogos e aplicações.

Literacia Criativa

Nesta modalidade, os cursos trabalham temas mais relacionados com a criatividade e permitem que os alunos criem protótipos físicos e façam a sua programação.

Por exemplo, é possível criar um Pinball com papelão e acoplar nele botão, sensor, motor e fazer a programação de tudo isso no computador, tornando-o um protótipo interactivo.

Assuntos como Produção para Youtube e Internet das coisas também são abordadas.

Literacia Cognitiva

Vocacionada para crianças a partir dos 12 anos, o seu foco é a interacção através da voz.

O curso de computação cognitiva foi desenvolvido em parceria com a IBM, possibilitando que os alunos façam a programação de jogos que falam sobre cidadania digital, sendo a interacção realizada através de comandos de voz.

A Happy Code, por estar consciente da importância da tecnologia na actualidade, aposta no ensino de competências essenciais, acreditando que a prática da informática para crianças é decisiva para o seu sucesso enquanto profissionais do futuro.

Gostou da nossa metodologia? Gostava que os seus filhos entrassem neste mundo tecnológico? Fale conosco e descubra qual a escola da Hppy Code mais próxima!

GUIA SOBRE PROGRAMAÇÃO PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES
Sobre a Happy Code

A Happy Code é uma escola de programação, tendo como missão formar pensadores e criadores do século XXI. Com uma metodologia de ensino baseada no conceito STEAM (“Science, Technology, Engineering, Arts and Math”), os cursos leccionados incidem sobre a programação de computadores, desenvolvimento de jogos e aplicações, robótica com drones, bem como produção e edição de vídeos para o YouTube.

Tendo como premissa de actuação os valores da responsabilidade, da confiança, da inovação e da consciência social, a Happy Code lecciona os seus cursos em centros próprios ou em escolas, empresas, municípios, projectos sociais, centros de estudo, ATLs, entre outros, estando já presente em várias zonas de Portugal.

0 Comentários

Deixe um comentário

gtag('config', 'AW-868132947');