Skip to content

Saiba como introduzir ferramentas de literacia digital na sua escola

Já não é possível ignorar a influência da tecnologia em diversos setores. Na educação, as instituições de ensino que estão atentas a esta transformação posicionam-se à frente da concorrência, ganhando credibilidade e destacando-se no mercado. Por exemplo, utilizar as ferramentas de literacia digital é uma estratégia que tem apresentado ótimos resultados. O objetivo é promover a aprendizagem de forma inovadora, aproveitando que as novas gerações já têm uma maior proximidade com os recursos tecnológicos e explorar ainda mais esta oportunidade.

Já ouviu falar deste conceito? Sabe o que significa? Descubra o que estamos a falar e quais são as vantagens de apostar nesta ideia para a sua escola!

Literacia digital

Antes de mais, vale a pena desmistificar esta expressão que ainda é desconhecida por muitas pessoas. A literacia digital está relacionada com a capacidade de uma pessoa compreender as informações obtidas na Internet e utilizá-las de forma crítica.

Ou seja, trata-se de uma competência do mundo moderno, que não existia ou não era necessária há alguns anos. Agora que vivemos uma era tecnológica, é importante aprender a assimilar os novos tipos de comunicação, sabendo interpretar e utilizar não só palavras, mas códigos, imagens e outros.

O “letrado digital” não é aquele que apenas lê e escreve utilizando ferramentas digitais, mas que sabe utilizar a sua competência de forma estratégica — especialmente para criar algum tipo de impacto, como gerar influência ou criar aplicações práticas relevantes.

Importância da literacia digital na sua escola

As escolas são locais dedicados à formação das pessoas. Por isso, é essencial que as instituições se preocupem em observar o que está a acontecer à sua volta para

proporcionar um ensino diferenciador, que realmente ofereça uma oportunidade atualizada de formação para os seus alunos.

Por isso, este contacto com o mundo tecnológico deve ser estimulado da forma mais saudável e proveitosa possível. A criança que já nasce familiarizada com a Internet e com as suas facilidades deve aproveitar para interagir com esse meio de forma produtiva.

Tal como é o papel da escola ensinar o domínio de uma língua, para que a pessoa consiga ler, escrever e fazer as suas criações, a proposta da literacia digital é desenvolver esta competência relacionada com a tecnologia.

Neste sentido, a escola está a facilitar a inclusão dos estudantes no contexto contemporâneo, oferecendo todo o apoio para que eles se preparem e consigam atender às exigências do mundo moderno — incluindo as exigências do mercado de trabalho que enfrentarão no futuro.

A diferença é que, quanto mais cedo este processo for estimulado, maiores serão as chances de sucesso. Por isso, a instituição que investe neste tipo de aprendizagem consegue diferenciar-se, além de transferir este fator diferenciador para a sua comunidade académica. Conheça, a seguir, as principais vantagens envolvidas.

Favorecer o desenvolvimento comportamental

Nos dias de hoje, fala-se muito em abandonar um pouco o ensino tradicional para oferecer uma formação multidisciplinar e mais completa para os jovens. As disciplinas básicas não perderam a sua relevância, mas esse deixou de ser o único tipo de conhecimento importante para a qualificação das pessoas.

As competências comportamentais têm ganhado destaque, como a capacidade de adaptação, comunicação e liderança. Todas estas competências podem ser

trabalhadas no contexto da literacia digital, principalmente pelos projetos que são realizados em equipa.

Melhorar a capacidade de concentração

Outra dificuldade comum na sala de aula é captar a atenção dos alunos. As distrações entram em conflito com o conteúdo apresentado pelos professores, o que acaba por dificultar a aprendizagem.

Por isso, não existe nada melhor do que ter um método estimulante para ultrapassar a grande barreira do desinteresse e promover a concentração. É muito fácil observar como as crianças são capazes de focar em assuntos que provocam curiosidade.

Fidelizar os alunos

Além dos benefícios para os estudantes, a instituição também ganha ao investir na modernização. O seu posicionamento diferenciado no mercado desperta interesse nos alunos e, sobretudo, nos pais que desejam proporcionar aos seus filhos uma aprendizagem de alta qualidade.

O encanto é um fator decisivo para a satisfação e retenção do público. O resultado é ganhar a fidelização dessas pessoas que valorizam a iniciativa de apostar no conhecimento de vanguarda.

Ferramentas da literacia digital

Um detalhe importante na introdução das ferramentas para este tipo de formação digital é fazer a adequação da faixa etária. Afinal de contas, existe uma condição diferente em cada idade ou fase de vida — até porque a capacidade cognitiva é desenvolvida aos poucos.

Uma criança de cinco anos consegue lidar com recursos mais limitados, se compararmos com um pré-adolescente, o que é completamente natural e precisa

de ser acompanhado (e respeitado). Caso contrário, não é possível esperar que a metodologia alcance os resultados esperados. Os robôs Dash & Dot fazem parte de um exemplo que combina alguns fatores interessantes para captar a atenção dos alunos mais novos: robótica, programação e diversão. Controlando o cérebro do robô, cada um é capaz de aprender a criar os seus próprios jogos, utilizando comandos muito simples (como se fosse um quebra-cabeça).

O ScratchJr é outra alternativa que utiliza linguagem de blocos e programação visual para a criação de animações atrativas. Seguindo esta mesma ideia, as peças do tradicional jogo LEGO são adaptadas de forma a passar conhecimentos de montagem, programação e robótica.

Na realidade, podem ser aproveitadas muitas ferramentas, sendo que o mais importante é ter uma metodologia por trás de toda a atividade. O desafio de criar uma solução tem de atrair o interesse da criança, fazendo com que ela absorva os conhecimentos e se divirta ao mesmo tempo.

É claro que, para isso, tem de ser formada toda uma equipa para lidar com essas propostas. Os professores são os grandes responsáveis por envolver os alunos e fazer com que o propósito das atividades seja cumprido.

Por fim, a introdução das ferramentas de literacia digital traz benefícios tanto para a própria escola como para os alunos. Uma vez que a modernização do ensino é um assunto muito discutido, é fundamental acompanhar estas tendências para participar nesta evolução do mercado — e, sem dúvida, esta é uma forma de dar um passo nessa direção.

Back To Top