Todas as nossas atividades podem ser presenciais ou online. INSCREVE-TE AQUI!
Home / Happy Blog / 7 melhores práticas para aumentar a retenção de alunos na escola

7 melhores práticas para aumentar a retenção de alunos na escola

A maioria das escolas está muito preocupada com a captação de novos alunos para o seu corpo discente. Afinal, esses clientes são fundamentais para o funcionamento da escola e para o seu sucesso na comunidade em que atua. No entanto, poucas instituições se preocupam com outro ponto fundamental do processo: a retenção de alunos.

Reter os alunos que foram conquistados é quase tão importante como a captação de novos. A fidelização dessas pessoas é o que fará toda a diferença para a escola a longo prazo, tanto em relação à criação de um relacionamento muito mais sólido com os estudantes e os seus familiares, como no que diz respeito à própria conquista de clientes através do marketing boca-a-boca.

Por isso, se a sua intenção é melhorar os resultados e a viabilidade da sua escola, é essencial investir neste aspeto. A seguir, apresentaremos uma série de dicas importantíssimas para quem quer tornar a retenção de alunos mais simples e eficiente no ambiente escolar. Boa leitura!

1. Tenha uma proposta inovadora

A maioria dos bairros e das cidades conta com uma grande variedade de escolas disponíveis para a matrícula de crianças e adolescentes. Por isso, uma escola preocupada com a retenção dos seus alunos deve ter fatores diferenciadores para garantir que os estudantes matriculados não queiram sair da escola em nenhuma hipótese.

Uma boa dica é investir sempre em inovações, incluindo na proposta pedagógica. Assim sendo, procurar alternativas na metodologia de ensino, por exemplo, e apostar em novidades que dialoguem melhor com a geração de estudantes matriculada é sempre relevante para garantir o envolvimento dos alunos e o seu interesse pela instituição de ensino.

2. Desenvolva um bom relacionamento com os familiares

Outro ponto importante para a retenção de alunos, e que atua como um ótimo fator diferenciador, é o desenvolvimento de um relacionamento saudável com os responsáveis pelos alunos. Investir neste fator é uma garantia de retorno para a escola e, claro, de retenção cada vez maior de alunos ao longo dos anos. Estabelecer uma relação de confiança entre as partes fará com que a administração da escola seja muito mais eficiente. Afinal, com isso, pode ouvir as críticas dos pais em primeiríssima mão e trabalhar para que o ambiente escolar seja muito mais adequado às necessidades reais dos estudantes. Além disso, os familiares sentem-se mais dispostos a conversar quando esse relacionamento é trabalhado.

3. Analise as transferências

A análise de transferências escolares é outro mecanismo importante que pode ser adotado para contribuir para a retenção de alunos. Isto vale tanto para as transferências solicitadas da sua escola para outra, como para os alunos transferidos que se matriculam na sua instituição.

Avaliar as razões que motivaram essas transferências é bastante relevante para saber o que precisa de ser mantido na sua escola e também para verificar os aspetos que precisam de ser melhorados, devendo sofrer alterações para melhor atender às expetativas dos estudantes e das suas famílias. Neste sentido, preocupe-se sempre em compreender os motivos pelos quais essas decisões foram tomadas por eles.

4. Esteja atento às necessidades dos alunos

Lembre-se de que os principais clientes da sua escola são os alunos, por isso as exigências desse grupo devem ser completamente ouvidas. Desenvolva uma boa comunicação com os estudantes através da direção e mostre-se aberto à resolução de conflitos da melhor forma possível. Afinal, os cuidados com a saúde emocional deles são fundamentais para a retenção de alunos. Este tipo de preocupação ajuda a escola a lidar com temas como o bullying e o preconceito, fazendo com que os estudantes se sintam mais acolhidos pelos responsáveis da escola e, assim, mais disponíveis a dialogar sobre os problemas enfrentados no seu dia-a-dia.

5. Ofereça soluções para quem tem atrasos no pagamento

Os imprevistos acontecem e até mesmo os melhores pagadores podem encontrar-se em dificuldades de vez em quando. Por isso, é fundamental que a escola saiba que ser completamente inflexível não é, nem de longe, a melhor medida a ser tomada em caso de atrasos no pagamento.

Procure alternativas que possam facilitar a vida de quem está a passar por dificuldades para fazer os pagamentos das mensalidades. Isto fará com que os bons clientes sejam mantidos. Portanto, crie políticas claras e objetivas de divisão de prestações e descontos, e evite sempre expor os estudantes e as suas famílias a esse tipo de casos.

6. Otimize a comunicação

Procurar alternativas para otimizar a comunicação é outra forma interessante de trabalhar a retenção de alunos numa escola. Quando os pais e os seus filhos conseguem conversar com a equipa escolar, tudo flui com muito mais qualidade e eficiência. Invista na criação de canais que possam ir além da boa e velha agenda — a qual, contudo, não deve ser deixada de lado!

Pequenas medidas — como a utilização de uma aplicação de mensagens instantâneas ou uma boa atividade nas redes sociais, por exemplo — podem fazer toda a diferença na comunicação entre a escola e os seus clientes. Assim, reclamações, críticas e elogios chegam muito mais rapidamente, podendo ser facilmente inseridos na rotina da gestão pedagógica.

7. Invista em tecnologia Por fim, uma dica muito valiosa é o investimento em tecnologia, tanto no âmbito administrativo como no dia-a-dia das salas de aula. Na questão da gestão, os avanços tecnológicos são importantes para otimizar a comunicação entre as partes e tornar os processos muitos mais fluidos e eficientes, por exemplo. Já quando abordamos as aulas, a tecnologia também pode ser utilizada com muito sucesso, otimizando a aprendizagem e o envolvimento, e atuando como um grande fator diferenciador para a instituição de ensino. Um exemplo interessante está na aplicação de metodologias ativas de ensino, como o STEM ou o STEAM. Vale a pena dar uma oportunidade a estes métodos!

Com alunos fidelizados, a medição de resultados torna-se muito mais eficiente. Por isso, colocar as dicas para a retenção de alunos em prática o quanto antes é a melhor medida para a sua escola. Com elas, os estudantes e os familiares ficarão cada vez mais satisfeitos e todos os processos da sua instituição acontecerão com muito mais naturalidade.

0 comments

Leave a comment